Filter

    Paço dos alcaides de Castro Marim, 1508

    Paço dos alcaides de Castro Marim, 1508
    Portugal
    XVI

     

    Paço dos Alcaides de Castro Marim

    Desenho de Duarte Darmas, in Livro das Fortalezas, (c. 1508) fl.125v,

    Imagem cedida pelo IAN/TT

     

     

     

    Nota:

    A planta do Paço dos Alcaides de Castro Marim ganha um significado muito especial ao poder ser estudada no Tombo da Ordem de Cristo onde é incluída uma descrição desta casa feita, no mesmo período, pelo Frei Diogo do Rego. Neste texto a distribuição interior é dada por compartimento com as respectivas medidas em palmos, tanto do comprimento como da largura de cada sala.

     

    DESCRIÇÃO DO PAÇO DOS ALCAIDES DO CASTELO DE CASTRO MARIM, em 1505

    Tombo da Ordem de Cristo, Lisboa, Centro de Estudos Medievais, vol.1, Lisboa, 2002, pp.132-133

     

                    “Do meyo quasi da sobredita escaada Vam pera huua salla sobradada cubertade telha vãa madeirada em duas aguas e tem huua chaminee e huua cantareira e duas janellas sobre o dito pátio e leua seis varas e meya de longo e cinquo e meya de largo. E leua per baixo huua logea e huua çotea

                    Da dita salla vam pera huua camera oliuellada de canas de huua agua e estam nella huus boons almarios, leua de longo seis varas e meya. E três e meya de largo. E debaixo vay huua logea deste tamanho.

                    Da dita salla deçem pera huua casa de cozinha térrea em que estaa huua chaminee grande e dentro nella huua boca de forno e leua de longo seis varas e meya e três e meya de largo e he oliuellada de canas em duas aguas.

                    Da sobredita camera atee o canto do muro do dicto castello. Vam três casas térreas todas em huua armaçom e de huua agua acostadas ao muro. Huua serue de adega. na outra estaa o dito forno e outra serue d amassaria e despensa. E leuam todas três de longo xbiij varas e de largo cada huua três e meya.

                    Tem hi mais outra casa sobradada pegada no muro que leua seis varas de longo e três de largo. E de baixo vay huua logea do seu tamanho.  Tem hi mais junto. Duas cisternas bem corregidas e sobre huua dellas. Tem huu eirado guarnecido d arredor com ameyas e craueiros e assentos.  Junto dellas tem huu oratório com huu altar térreo armado em quatro aguas e leua de longo três uaras e meya e três de largo.

                    Da outra banda do pátio tem outro lanço de casas. Honde tem logo junto da portam huua casa térrea que ora serue das armas e leua sete uaras de longo e cinquo e meya de largo e tem huu esteo no meyo.

                     E logo outra casa de strebaria junto della com suas manjadoiras que leua seis varas e meya de longo e çinquo de largo e tem outro esteo.

     Outra casa junto della que leua sete varas de longo e çinquo de largo e tem outro tal esteo e huu Repartimento de palheiro.

                    Antre esta casa e a porta da treiçom contra o norte. Tem mais huua casa pequena d aboeuda que leua três varas e meya de longo e duas e meya de largo e estam nella os  presos.E estaa hi mais no dito pátio huua muyto booa pia de mármor”.

     

     

     

    Bibliografia

    Tombo da Ordem de Cristo, Lisboa, Centro de Estudos Medievais, vol.1, Lisboa, 2002, pp.132-133

     

    Observações

    Coordenação e texto. Helder Carita, 2019

     

    ttt
    PTCD/EAT-HAT/11229/2009

    Please publish modules in offcanvas position.