Filter

    Francisco Rodrigues Quinteiro,1672

    Francisco Rodrigues Quinteiro,1672
    Portugal
    XVII

    TT, Orfanológicos, Letra F, Maço 120(A), Nº 1

    Francisco Rodrigues Quinteiro

    Rua dos Douradores, com serventia para a Travessa que vai para a “sombreiraria”

     

    Inventário dos bens que ficaram por morte de Francisco Rodrigues Quinteiro o qual se continuou com a viúva Maria de Brito sua mulher

    1672

     

    (Transcrição paleográfica realizada por Lina Maria Marrafa de Oliveira, no âmbito do Projecto: “A Casa Senhorial em Lisboa e no Rio de Janeiro, Séculos XVII, XVIII e XIX”)

    (fl. 3)

    Pessas de prata

    Hum talher que tem seis pessas com o prato tem seis pés peza de prata doze marcos e quatro honsas que a rezão de quatro mil e outosentos reis que tantos dão por cada marco fas tudo soma de setenta mil reis com que se sae __________________________________________________ Lx mil

    Doze pratos de trinchar que pezão de prata vinte e quatro marcos e seis honsas que valem conforme a certidão do contraste adiante junta sento e dezouto mil e outosentos reis com que se sae _______ Cento xbiij mil biijC

    Huma palangana de meias-canas liza grande que peza de prata seis marcos e duas honsas que valem conforme a dita (fl. 4) certidão trinta mil reis com que se sae ______________________________________ xxx mil

    Duas palanganas lavradas de pontas ao redor huma mais pequena tem no meio huma medalha dourada, pezão de prata outo marcos menos duas outavas que valem conforme a dita certidão trinta e outo mil duzentos e sinquoenta reis com que se sae _____________________ xxxbiij mil ijC Lta

    Huma bacia de barbear de duas golas ovada, que peza de prata outo marcos tres honsas e quatro outavas que valem conforme a certidão do contraste quarenta mil e sincoenta reis com que digo e quinhentos reis com que se sae ________________________________________ R mil bC

    Duas salvas lizas de borda virada huma maior que outra, que pezão de prata seis marcos duas honças e duas outavas que valem conforme a certidão do contraste trinta mil sento e sinquoenta reis com que se sae ______________________________________________ xxx mil Cento Lta

    Dous pires lizos e dous copos de duas (fl. 4) azas de bocados que tudo peza de prata hum marco quatro honsas e tres outavas que valem conforme a dita certidão sete mil quatrosentos e vinte reis com que se sae _________________________________________________ bij mil iiijC xx

    Hum pucaro de bocados de duas azas lavrado que peza de prata hum marco huma honsa e tres outavas que valem conforme a dita certidão sinquo mil seissentos e vinte reis com que se sae ___________ b mil bjC xx

    Doze colheres e doze garfos de cabos chatos que pezarão de prata tres marcos e sete honsas que valem conforme a certidão do contraste dezouto mil e seissentos reis com que se sae ______________ xbiij mil bjC

    Des colheres e doze garfos de cabos voltados que pezarão de prata dous marcos e seis honsas que valem conforme a dita certidão treze mil e duzentos reis com que se sae ____________________________ xiij mil ijC

    (fl. 4v)

    Doze facas de cabos de prata outavados avaliados a mil reis cada hum conforme a dita certidão do contraste e montão doze mil reis com que se sae ____________________________________________________ xij mil

    Movel

    Doze colchois de pano de linho liagem cheios de lam que forão vistos e avaliados huns por outros a dous mil e quinhentos reis que fazem trinta mil reis com que se sae ___________________________________ xxx mil

    Vinte e tres lancois em folha de pano de linho fino com seus entremeios de renda da terra que forão vistos e avaliados a tres mil reis cada hum que fazem sessenta e nove mil reis com que se sae ________________ Lxix mil

    Sete lancois em folha de pano de Bertanha de tres ramos cada hum com seus entremeios e rendas pequenas de Flandes que forão vis-(fl. 5)tos e avaliados a quatro mil reis cada hum que fazem vinte e outo mil reis com que se sae ____________________________________________ xxbiij mil

    Trinta e dous lancois em folha de pano de linho e dous de tres ramos cada hum que forão vistos e avaliados a mil e quinhentos reis que fazem quarenta e outo mil reis com que se sae ____________________ Rbiij mil

    Vinte e dous lancois em folha de pano de Ruão de tres ramos cada hum com seus entremeios de renda da terra que forão vistos e avaliados a mil e quinhentos reis que fazem trinta e tres mil reis com que se sae __ xxxiij mil

    Treze lancois de uso de tres ramos cada hum de pano de linho que forão vistos e avaliados a outocentos reis que fazem des mil e quatrocentos reis com que se sae ________________________________________ x mil iiijC

    (fl. 5v)

    Vinte e dois meios-traviceiros em folha de pano de linho com suas rendas da terra pela boca que forão vistos e avaliados a quatrosentos reis que fazem outo mil e outosentos reis com que se sae _____________ biij biijC

    Vinte e tres meios-traviceiros em folha de pano de Bertanha com sua renda pelas bocas que foram vistos e avaliados a outosentos reis cada hum que fazem dezouto mil e quatrosentos reis com que se sae __________________________________________________ xbiij mil iiijC

    Vinte e dous meios-traviceiros em folha de pano de linho chãos que forão vistos e avaliados a trezentos reis que fazem seis mil e seisentos reis com que se sae ___________________________________________ bj mil bijC

    Des almofadinhas chans novas de pano de linho que forão vistas e avaliadas a sem reis que fazem mil reis com que se sae ____________ j mil

    (fl. 6)

    Vinte e quatro meios-traviceiros chãos do uzo de pano de linho que forão vistos e avaliados a duzentos reis que fazem quatro mil e outocentos reis com que se sae ______________________________________ iiij mil biijC

    Hum penteador em folha de pano de Bertanha com suas rendas e entremeios que foi visto e avaliado em quantro mil reis com que se sae _______________________________________________________ iiij mil

    Duas toalhas de meza e doze goardanapos tudo em folha de linhos de Guimarais com listras vermelhas que tudo foi visto e avaliado em doze mil reis com que se sae _______________________________________ xij mil

    Sete toalhas de meza em folha atoalhadas da terra de olho-de-lebre que forão vistas e avaliadas a mil e quinhentos reis que fazem des mil e quinhentos reis com que se sae ____________________________ x mil bC

    Sinquo toalhas de meza atoalha-(fl. 6v)das da terra uzadas que forão vistas e avaliadas a outosentos reis que fazem quatro mil reis com que se sae _______________________________________________________ iiij mil

    Duas sobre-mezas em folha de pano de Bertanha com rendas e entremeios que forão ambas vistas e avaliadas em tres mil reis com que se sae ____________________________________________________ iij mil

    Trinta e seis guardanapos atoalhados do uzo que forão vistos e avaliados a sessenta reis cada hum que fazem dous mil sento e sessenta reis com que se sae ______________________________________________ ij mil cLxta

    Quarenta toalhas de maus(sic.) em folha chãns de pano de linho de vara e meia cada huma que forão vistas e avaliadas a duzentos e cinquenta reis que fazem des mil reis com que se sae _________________________ x mil

    Seis toalhas de pucaro uzadas de (fl. 7) pano de Bertanha com rendas a roda que forão vistas e avaliadas a mil reis cada huma que fazem seis mil reis com que se sae _______________________________________ bj mil

    Sinquo toalhas de Cambrai, uzadas guarnecidas de rendas de Flandes que forão vistas e avaliadas a dous mil reis cada huma que fazem des mil reis com que se sae ___________________________________________ x mil

    Outo toalhas de pucaro de Cambrai em bom uso com rendas diversas de Flandres que forão vistas e avaliadas a dous mil e quinhentos reis cada huma que fazem vinte mil reis com que se sae _________________ xx mil

    Hum paramento de cama com seu cobertor de damasco carmezim com seu palhetão de prata e ouro em bom uzo que foi visto e avaliado em outenta mil reis com que se sae ___________________________ Lxxx mil

    (fl. 7v)

    Outro paramento de cama com seu cobertor de sarafina vermelha uzado com franjas de retros azul que foi visto e avaliado em vinte mil reis com que se sae ______________________________________________ xx mil

    Huma colcha de montaria marca meam em bom uzo forrada de tafeta amarelo com franjas e borlas de retros da mesma cor que foi vista e avaliada em quarenta mil reis com que se sae __________________ R mil

    Hum cobertor de damasco carmezim com seu palhetão de ouro e prata e borlas do mesmo forrado de tafeta gemado em bom uzo que foi visto e avaliado em vinte mil reis com que se sae _____________________ xx mil

    Hum guardape de telilha encarnado em bom uso com dous palhetois de ouro e prata a roda que foi visto e avaliado em vinte mil reis com que se sae ____________________________________________________ xx mil

    (fl. 8)

    Hum vestido de tela gemada guarnecida a saca por baixo e dianteiras de palhetão de prata em bom uzo que foi visto e avaliado em quinze mil reis com que se sae __________________________________________ xb mil

    Hum guardape a ingleza de chamalote verde guarnecido por baixo e dianteira o guardape de palheta de prata que foi visto e avaliado tudo em seis mil reis com que se sae _________________________________ bj mil

    Hum propoem de tela verde com mangas de roca guarnecida de rendas de prata com suas fitas vermelhas e prata em bom uzo que foi visto e avaliado em outo mil reis com que se sae _____________________ biij mil

    Huma saia de tafeta dobre em bom uzo guarnecida por baixo de rendas de Flandes que foi vista e avaliada em quatro mil reis com que se sae _______________________________________________________ iiij mil

    (fl. 8v)

    Huma saia de gala negra uzada que foi vista e avaliada em mil e quinhentos reis com que se sae ____________________________ j mil bC

    Huma saia de chamalote uza<da> cor-de-azeitona que foi vista e avaliada em tres mil reis ___________________________________________ iij mil

    Huma capa de gram forrada de seda de cores e guarnecida de palheta de ouro e prata em bom uzo que foi vista e avaliada em quinze mil reis com que se sae ______________________________________________ xb mil

    Huma mantilha de bautizar de Primavera de seda com ramos grandes com palhetão de ouro e prata em bom uzo forrada de tafeta carmezim que foi vista e avaliada em quinze mil reis com que se sae ______________ xb mil

    Huma alcatifa de Odias nova de sinquo varas de comprido e duas e meia de largo que foi vista e avaliada em sessenta mil reis com que se sae _______________________________________________________ Lx mil

    (fl. 9)

    Outra alcatifa de Odias de tres varas de comprido, e vara e meia de largo que foi vista e avaliada em trinta e sinquo mil reis com que se sae _____________________________________________________ xxxb mil

    Hum tapete alcatifado de Italia uzado que foi visto e avaliado em seis mil reis com que se sae _______________________________________ bj mil

    Hum tapete em bom uzo feito na terra de sinquo varas de comprido e duas e meia de largo que foi visto e avaliado em des mil reis com que se sae _____________________________________________________ x mil

    Des almofadas de veludo carmezim por huma banda e damasco da mesma cor por a outra com passamane de prata e borlas de retros e fio de prata em bom uzo que forão vistas e avaliadas a seis mil reis cada huma que fazem sessenta mil reis com que se sae _______________________ Lx mil

    Hum pano de bofete de damas-(fl. 9v)co carmezim com palhetão de ouro e prata e borlas de retros e fio de prata forrado de olandilha com algumas nodoas que foi visto e avaliado em outo mil reis com que se sae __ biij mil

    Quatro cortinas de chamalote carmezim com sua palheta de prata que forão vistas e avaliadas a tres mil reis cada huma que fazem doze mil reis com que se sae __________________________________________ xij mil

    Quatro cortinas com suas sanefas de sarafina vermelha uzadas com franjas de retros que forão vistas e avaliadas a mil e quinhentos reis cada huma que fazem seis mil reis com que se sae ___________________ bj mil

    Seis cadeiras de couros do Brazil com pregaria ouvada velhas que forão vistas e avaliadas a mil e quinhentos reis que fazem nove mil reis com que se sae __________________________________________________ ix mil

    Seis tamboretes do mesmo que fo-(fl. 10)rão vistos e avaliados a outosentos reis cada hum que fazem quatro mil e outosentos reis com que se sae __________________________________________ iiij mil biijC

    Nove tamboretes de mescovea com pregos ouvados que forão vistos e avaliados a setesentos reis que fazem seis mil e trezentos reis com que se sae _________________________________________________ bj mil iijC

    Hum bofete com duas gavetas de pao-santo com pes cortados que foi visto e avaliado em sinquo mil reis com que se sae _______________ b mil

    Outro bofete de duas gavetas de pao-santo com pes cortados que foi visto e avaliado em sinquo mil reis com que se sae ___________________ b mil

    Hum bofete de pao-santo de duas gavetas maltratado e pes torneados que foi visto e avaliado em dous mil e quinhentos reis com que se sae ______________________________________________________ ij mil bC

    (fl. 10v)

    Hum bofete de duas gavetas de pao-santo velho com pes cortados que foi visto e avaliado em mil e quinhentos reis com que se sae _______ j mil bC

    Duas cadeiras razas velhas de couros do Brazil que forão ambas vistas e avaliadas em mil reis com que se sae __________________________ j mil

    Hum espelho grande de vestir com mulduras negras de pereiro que foi visto e avaliado em vinte mil reis com que se sae _______________ xx mil

    Outro espelho de vestir mais pequeno que o assima com mulduras negras de pereiro que foi visto e avaliado em quinze mil reis com que se sae _______________________________________________________ xb mil

    Hum espelho pequeno com mulduras negras que foi visto e avaliado em mil e quinhentos reis com que se sae _______________________ j mil bC

    (fl. 11)

    Dous contadores de pao-santo que mostrão dezasseis gavetas cada hum com seus pes torneados e escudetes dourados que forão vistos e avaliados ambos em trinta mil reis com que se sae _____________ xxx mil

    Outros dous contadores de pao-preto que mostrão dezasseis gavetas cada hum com seus escudetes prateados e pes de pereiro tintos de negro que forão vistos e avaliados ambos em setenta mil reis com que se sae ______________________________________________________ Lxx mil

    Dous contadores de pao-santo que mostrão dezasseis gavetas cada hum com escudetes e peras de latão dourado com seus pes torneados de pao-santo que forão vistos e avaliados ambos em vinte e sinquo mil reis com que se sae _____________________________________________ xxb mil

    Hum contadorinho de estrado (fl. 11v) de pao-santo que mostra seis gavetas com ferragens douradas que foi visto e avaliado em sinquo mil reis com que se sae ________________________________________ b mil

    Huma banca de estrado forrada de veludo carmezim com franjas de retros da mesma cor e pregaria dourada com pes torneados tintos de negro que foi vista e avaliada em quatro mil reis com que se sae ___________ iiij mil

    Outra banca de veludo carmezim com franja de retros da mesma cor e pregaria dourada com seus pes torneados tintos de negro mais pequena que a assima que foi vista e avaliada em tres mil reis com que se sae ________________________________________________________ iij mil

    Hum leito cham de pao-santo ondeado em bom uzo que foi visto e avaliado em vinte e sinquo mil reis com que se sae _____________ xxb mil

    (fl. 12)

    Hum leito velho de pao-santo cham que foi visto e avaliado em quatro mil reis com que se sae _______________________________________ iiij mil

    Hum berço de pao-santo chão e velho que foi visto e avaliado em mil e quinhentos reis com que se sae _______________________________ j bC

    Hum meio-caixão de angelim da India com sua ferragem que foi visto e avaliado em sinquo mil reis com que se sae ____________________ b mil

    Huma caixa de profume de pao de angelim que foi vista e avaliada em dous mil reis com que se sae ________________________________ ij mil

    Hum baul pequeno de couro de mescovia que foi visto e ava-(fl. 12v)liado em mil reis com que se sae __________________________________ j mil

    Hum caixão grande de angelim da India com duas fechaduras que foi visto e avaliado em vinte mil reis com que se sae ____________________ xx mil

    Hum caixão mais pequeno de angelim da India e tem duas fechaduras que foi visto e avaliado em quinze mil reis com que se sae ___________ xb mil

    Hum caixão de angelim da India com sua fechadura que foi visto e avaliado em doze mil reis com que se sae _____________________ xij mil

    Hum caixão a modo de mafamede com sua fechadura que foi visto e avaliado em outo mil reis com que se sae _____________________ biij mil

    Hum mafamede pequenino com sua fechadura que foi visto e avaliado em mil reis com que se sae _____________________________________ j mil

    (fl. 13)

    Arame

    Quatro bacias de pe de cama, quatro de cozer fartens, huma bacia muito grande, duas pequenas de pes, dous tachos grandes, quatro pequenos, dous candieiros, tudo de arame hum almofariz com sua mão duas frigideiras e hum fugareiro de ferro que tudo foi visto e avaliado em quinze mil reis com que se sae ______________________________ xb mil

    Sete paineis ao devino da estoria de Salamão com suas mulduras de pereiro e tintas de negro grandes que forão vistos e avaliados cada hum a sinquo mil reis que fazem trinta e sinquo mil reis com que se sae _____________________________________________________ xxxb mil

    Sete paineis grandes ao devino sem mulduras da estoria de Nossa Senhora que forão vistos e avaliados cada hum a tres mil reis que fazem vinte e hum mil reis com que se sae _______________________________ xxj mil

    (fl. 13v)

    Huma imagem de hum crucifixo de altura de mais de palmo e meio com seu resplandor dourado e a imagem de pao em crus de pao-preto e Calvario de mesmo que foi visto e estimado em vinte e sinquo mil reis com que se sae _____________________________________________ xxb mil

    Doze fruteiros ao devino da estoria do Nascimento que forão vistos e avaliados a mil e quinhentos reis cada hum que fazem dezouto mil reis com que se sae _________________________________________ xbiij mil

    Escravos

    [1 escravo e duas escravas de Angola]

    ttt
    PTCD/EAT-HAT/11229/2009

    Please publish modules in offcanvas position.