Filter

    Palácio dos Condes de Nova Goa, Pangim

    Palácio dos Condes de Nova Goa, Pangim
    Goa

    Palácio dos Condes de Nova Goa, Pangim

         

    Palácio dos Condes de Nova Goa, Pangim

    Souza& Paul (atrib.) Finais do século XIX

    Nota:

    A todos os níveis excepcional, estas fotografias documentam um palácio da aristocracia portuguesa radicada na Índia. Pelo declínio dos domínios portugueses no Oriente, uma vez que a nobreza portuguesa regressa ao “reino”, a generalidade dos seus palácios e quintas, como é o caso dos condes de Nova Goa, tem desaparecido.

    Pelas fotografias apercebemo-nos de uma tipologia muito interessante, cuja a entrada da fachada principal, recolhida sobre pátio murado se apresenta por grande portal decorado com colunas geminadas. De proporções majestosas é, ainda, a grande varanda preenchida por carepas que dividida em dois corpos enquadra ao centro a capela. Esta lembra as varandas do Palácio dos Vice-reis em velha Goa, que conhecemos apenas por um levantamento da segunda metade do século XVIII. O frontão da capela com inclinação muito acentuada lembra também o Palácio dos Bragança em Chandor cuja escala parece competir com a deste palácio.

    O palácio, sendo na origem Almeida, passou por herança aos Castro, uma vez que Ana Rita de Almeida, filha única de D. Lopo de Almeida, casa-se com Francisco de Castro. Será o neto deste casal que recebe o título de Conde de Nova Goa.

    Com o retorno da família dos condes de Nova Goa para o reino nos finais do século XIX, o palácio é arrendado ao arcebispo de Goa que, posteriormente, entra em ruina. Lopes Mendes integra um desenho do palácio na sua obra Índia Portuguesa, mas o desenho não nos dá a escala e monumentalidade do palácio.

    Bibliografia:

     Lopes Mendes, India Portugueza, Lisboa, Imprensa Nacional, Vol. I, 1886, p.134

     

    ttt
    PTCD/EAT-HAT/11229/2009

    Please publish modules in offcanvas position.